VOLTAR

Combate à corrupção deve ser feito dentro da lei, diz Barros


Ricardo Barros - Combate à corrupção deve ser feito dentro da lei, diz Barros

O deputado federal Ricardo Barros (PP) disse, nesta terça-feira (17), que o combate à corrupção, por mais nobre que seja, deve ser realizado dentro da lei. Segundo ele, a CPI da Lava Jato vai apenas verificar se não foram utilizados métodos ilegais nas investigações e operações. 

 

“Eu não vejo o porquê resistência. Afinal de contas, se eles (procuradores) afirmam que não fizeram nada de errado na Lava Jato, a investigação apenas confirmará que foram corretos na atuação. É preciso verificar se de fato não foram utilizados métodos ilegais para alcançar os objetivos conquistados”, disse o deputado que afirmou ser favorável também das CPIs da Lava Toga e Vaza Jato. 

 

“Por mais nobre que seja o combate à corrupção, isso não pode ser feito fora do arcabouço legal, fora dos direitos individuais garantidos para os cidadãos na Constituição”, ressaltou.

 

Ricardo Barros afirmou também que a CPI irá verificar os métodos que vem sendo utilizados pelo Ministério Público em suas investigações. “Não é só da Lava Jato, é de toda a atuação de Ministério Público, todo o país e outras operações também. Eu espero que isso tudo seja alcançado, e que nós possamos ter a segurança de que o Ministério Público age em favor da sociedade, mas dentro da lei”.